Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Política

Procuradoria pediu busca na casa de Renan, mas STF negou

.

BRASÍLIA, DF, RIO DE JANEIRO, RJ, E SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em nova fase da Operação Lava Jato, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, chegou a pedir buscas e apreensões na casa do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), mas o ministro do STF Teori Zavascki negou.
A ação da Polícia Federal, deflagrada nesta terça (15), cumpriu 53 mandados de busca e apreensão em inquéritos que investigam os presidentes da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o deputado Aníbal Gomes (PMDB-CE) e os senadores Fernando Collor (PTB-AL) e Fernando Bezerra (PSB-PE).
O fato de as investigações se aproximarem do presidente do Senado preocupa o Planalto, já que o peemedebista é um dos principais aliados do governo na Casa e peça importante na estratégia contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff.
Outros atingidos são o senador e ex-ministro Edison Lobão (PMDB-MA) -que é investigado no Supremo Tribunal Federal pela Lava Jato-, Nelson Bornier (PMDB-RJ), prefeito de Nova Iguaçu e aliado de Eduardo Cunha, Sergio Machado, ex-presidente da Transpetro, e o deputado Alexandre Santos (PMDB-RJ) -ele foi foi citado nos depoimentos do delator Fernando Soares por suposta influência em uma das diretorias da Petrobras, de acordo com reportagem do jornal "O Estado de S. Paulo".
Questionado sobre o pedido de buscas e apreensões feito pela Procuradoria, Renan afirmou que não tinha ainda informações sobre o fato e disse que colaborou sempre que foi solicitado.
"Não tenho nenhuma informação. Não conheço os detalhes. Já prestei todas as informações que me foram pedidas. Coloquei tudo à disposição. Nunca concedi e nem concediria, nunca permiti e nem permitiria que alguém, em qualquer circunstância e em qualquer lugar, falasse pelo meu nome", disse.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber