Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Política

PT anuncia nomes para comissão e fala que irá barrar 'golpe da caneta'

.

RANIER BRAGON, GUSTAVO URIBE E PAULO GAMA
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O PT anunciou na tarde desta segunda-feira (7) os nomes dos oito deputados indicados para a comissão especial do impeachment da presidente Dilma Rousseff. Na entrevista para falar sobre as escolhas, o líder da bancada, Sibá Machado (AC), chamou o processo de impedimento da presidente de "futrica", "firula política" e "golpe da caneta".
Os oito integrantes titulares do PT na comissão serão: Sibá, o líder do governo na Câmara, José Guimarães (CE), e os deputados Henrique Fontana (RS), Wadih Damous (RJ), Paulo Teixeira (SP), Arlindo Chinaglia (SP), José Mentor (SP) e Vicente Cândido (SP).
Dos oito, cinco são bem próximos ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva: Sibá, Guimarães, Damous, Mentor e Cândido.
Carlos Zarattini (SP) e Paulo Pimenta (RS), que estavam cotados para integrar o grupo titular, vão para a comissão como suplentes.
"O PT está com total disposição de enfrentar isso. O Brasil não precisa ter essa futrica, essa firula política inventada pelo PSDB", afirmou Sibá, dizendo que o país não aguentará mais um golpe. "Que seria o pior de todos, o golpe da caneta".
A bancada do governista PR também anunciou os quatro deputados para a comissão. Serão o líder da bancada, Maurício Quintella Lessa (AL), e os deputados Aelton Freitas (MG), Márcio Alvino (SP) e Lúcio Vale (PA).
Todos os nomes dos 65 integrantes titulares da comissão especial que analisará o impeachment de Dilma devem ser conhecidos até o final da tarde desta segunda. A comissão se reunirá pela primeira vez na tarde desta terça (8) para eleição do presidente e do relator.
PSB
Aliado histórico do PT até 2013, o PSB anunciou no início da tarde desta segunda 3 dos 4 nomes que irão integrar a comissão especial com posição majoritariamente favorável ao afastamento da presidente.
"Temos as duas posições na bancada, mas hoje o grupo majoritário é pelo impedimento da presidente", afirmou o líder da bancada, Fernando Coelho Filho (PE). Ele é um dos que irão compor a comissão.
Os outros dois titulares, escolhidos no voto pela bancada, foram Danilo Forte (CE) e Tadeu Alencar (PE). A quarta vaga de titular do PSB na comissão está sendo disputada pelos deputados Bebeto (BA), Luiza Erundina (SP) e João Fernando Coutinho (PE).
O PMDB terá o líder da bancada, Leonardo Picciani (RJ), e os deputados José Priante (PA), Washington Reis (RJ), Newton Cardoso Jr. (MG), Fernando Jordão (RJ) e Hildo Rocha (MA). As suas outras duas vagas estão ainda sendo definidas.
Na oposição, os titulares do DEM serão o líder da bancada, Mendonça Filho (PE) e o líder da oposição no Congresso, Pauderney Avelino (AM). No PSDB, o líder da bancada, Carlos Sampaio (SP), o líder da oposição na Câmara, Bruno Araújo (PE), além dos deputados Jutahy Júnior (BA), Marcus Pestana (MG) e Nilson Leitão (MS). Falta uma vaga a ser definida pelos tucanos.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber