Facebook Img Logo
Mais lidas
Política

Bumlai avisa que vai ficar calado e pede dispensa de CPI do BNDES

.

AGUIRRE TALENTO
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O pecuarista José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, enviou um ofício à CPI do BNDES nesta sexta-feira (27) avisando que ficará calado em seu depoimento, marcado para a próxima terça-feira (1º), e por isso, pedindo para ser dispensado.
Bumlai foi preso na última terça (24) na última fase da Operação Lava Jato, sob suspeita de ter intermediado um negócio na Petrobras com o objetivo de saldar uma dívida do PT. Ele estava em Brasília para prestar depoimento à CPI nesse dia, o que acabou inviabilizado -por isso a sessão para ouvi-lo foi adiada para a próxima semana.
A CPI o convocou para obter esclarecimentos sobre suspeitas de irregularidades em empréstimos junto ao BNDES para suas empresas. O banco diz que seguiu as normas, mas houve inadimplência no pagamento do crédito.
"Em que pese o adiamento da tomada de seu depoimento, o peticionário, entendendo que sua posição atual é efetivamente de investigado, já adianta que exercerá seu direito constitucional de permanecer calado diante das perguntas dos deputados, pois se reservará a prestar os esclarecimentos necessário em juízo", diz a petição, assinada por seus advogados.
E continua: "Assim, seu deslocamento de Curitiba a essa Casa, às custas do Estado, somente trará gastos desnecessários à máquina pública e em nada contribuirá para os trabalhos dessa CPI".
Em resposta, o presidente da CPI, deputado Marcos Rotta (PMDB-AM), despachou um ofício dizendo que é "garantia constitucional" da comissão manter a convocação e que ele terá o direito constitucional de permanecer em silêncio.
O deputado Betinho Gomes (PSDB-PE) afirmou que "é preciso cumprir o que deliberou o plenário e trazê-lo ao colegiado. Se ele, na hora, quiser recorrer ao direito de ficar em silêncio, que o faça".




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber