Facebook Img Logo
Mais lidas
Política

Manifestantes derrubam placas de proteção em Brasília após desfile

.

GABRIEL MASCARENHAS, REYNALDO TUROLLO JR. E FLÁVIA FOREQUE
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Manifestantes derrubaram parte das placas de proteção instaladas na Esplanada dos Ministérios após o fim do desfile de 7 de Setembro.
Desde 2013, quando várias manifestações sacudiram as principais cidades do país, o governo passou a adotar esse tipo de proteção nos desfiles pelo Dia da Independência na capital federal.
Os manifestantes, que estavam concentrados no gramado central da Esplanada dos Ministérios, em frente à biblioteca Nacional, caminharam em direção às placas logo depois do encerramento do desfile, acompanhado pela presidente Dilma Rousseff, o vice Michel Temer, ministros e outras autoridades.
Parte da proteção foi ao chão, mas não houve conflito com os policiais militares.
Ao derrubar as placas, os manifestantes ficaram próximos da via onde ocorreu o desfile. Eles ficaram no gramado central da Esplanada gritando contra simpatizantes do PT, que levavam faixas vermelhas e estavam parados do outro lado da rua. Apesar da troca de acusações e do clima tenso, não houve confronto entre os dois grupos.
Por volta das 12h, trios elétricos de movimentos contra o governo seguiram rumo ao Congresso Nacional.
O ministro José Elito (Gabinete de Segurança Institucional) negou ter havido reforço na segurança neste ano em comparação com as edições mais recentes do desfile de 7 de Setembro. "Todos os anos é da mesma forma. [Não houve] nada diferente", disse.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber