Mais lidas
Política

​SP: manifestante anti-Dilma teme que 'Brasil vire Venezuela'

.

"Voto até no Levy Fidelix", diz Roberto (de preto) Foto: Elisa Feres / Terra
"Voto até no Levy Fidelix", diz Roberto (de preto) Foto: Elisa Feres / Terra

Na tarde de sexta-feira (13), enquanto o grupo Revoltados On Line preparava sua chegada ao prédio da Petrobras na Avenida Paulista, onde comandaria um protesto pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff, alguns manifestantes aguardavam próximo ao local com bandeiras verde e amarelas, camisetas da seleção brasileira e, principalmente, cartazes contra o PT

Eles estavam ali por acreditar que o Partido dos Trabalhadores é um dos maiores responsáveis pela corrupção na política nacional e por temer que, por conta dele, “o Brasil vire a Venezuela”.

“Eles dizem que nós queremos um golpe, mas golpe é o que eles querem. Vamos ficar que nem a Venezuela, que nem Cuba. Com o povo passando fome em uma ditadura. Eles dizem que lutaram contra a ditadura, mas sempre quiseram implantar outra ditadura. Uma ditadura socialista.

Uma ditadura comunista”, afirmou ao Terra Roberto, de 41 anos. “Para eles, o socialismo é distribuição de renda e de propriedades. Isso é papo furado! A renda fica com Lula lá no topo da pirâmide. Para esse pessoal, sobram essas camisetinhas aí que eles dão, sobra o Bolsa Família”, completou.

Outro manifestante, que preferiu se identificar apenas como Antônio, concordou e afirmou que outro “temor” que costuma ser esquecido pelos brasileiros é o Foro de São Paulo – organização criada no início da década de 1990 por Luiz Inácio Lula da Silva e Fidel Castro com o intuito de, junto a outros movimentos de esquerda da América Latina, discutir alternativas a políticas neoliberais.

“O PT fala em democracia da boca para fora, mas, para mim, o sonho de consumo do PT é se tornar o PCC da China. Sabe por quê? Os maiores milionários do mundo estão dentro do Partido Comunista Chinês. Esse é o sonho deles. Da Venezuela, da revolução bolivariana. Outra coisa que ninguém fala é o Foro de São Paulo.

O Lula e o Fidel fizeram aquilo, pouca gente sabe, para implantar o socialismo e o comunismo”, disse. Questionado pela reportagem sobre o que seriam exatamente o socialismo e o comunismo, respondeu com outras perguntas. “Deu certo na União Soviética? O que vimos acontecer lá? É o poder pelo poder”, afirmou.

Confira matéria completa AQUI

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber