Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Política

Impedida de fazer greve, policiais federais planejam manifestações

.

BRASÍLIA, DF - Impedida pela Justiça de fazer greve, policiais federais planejam manifestações durante a Copa do Mundo. Vão protestar porque o reajuste de 15,8% autorizado pelo Palácio do Planalto para agentes, escrivães e papiloscopistas não foi aprovado pelo Congresso nesta semana.

Haverá nesta sexta-feira (13) uma videoconferência na qual os representantes da Fenapef (Federação Nacional dos Policiais Federais) vão discutir os próximos passos do movimento. A ideia é fazer na próxima semana assembleias regionais para discutir a melhor resposta.

Não está descartada a possibilidade de levar réplicas de elefantes gigantes para as "fan fests", festas promovidas pela Fifa durante o Mundial.

A categoria está proibida pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça) de entrar em greve, e o STF (Supremo Tribunal Federal) sinalizou da mesma forma ao impedir que policiais civis parassem seus trabalhos.

"Somos federais, não descumprimos decisão judicial. Mas nos preocupa a forma como o governo tratou o tema dentro do Congresso. Não vimos empenho pesado", afirmou Luis Boudens, vice-presidente da Fenapef.

No início deste mês, representantes dos policiais federais haviam firmado um acordo com o governo para acabar com ameaças de greve que poderiam prejudicar a segurança. Apesar de o Ministério do Planejamento ter enviado ao Congresso a proposta de reajuste, deputados e senadores governistas não se empenharam, na avaliação dos policiais, em aprovar a proposta. 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber