Política

29 deputados estaduais mudaram de sigla na janela partidária

A maior bancada da Alep é a do PSD, do governador Ratinho Júnior, agora com 15 deputados, seguida pelo PP, com 6, PT, Republicanos e União Brasil, com 5 cada

Da Redação ·
Ademar Traiano, presidente da Assembleia, deixa o PSDB e entra para o PSD de Ratinho Júnior
fonte: Nani Góis/Alep
Ademar Traiano, presidente da Assembleia, deixa o PSDB e entra para o PSD de Ratinho Júnior

O fechamento da chamada janela partidária neste 1º. de abril revelou uma intensa movimentação no cenário político do Paraná, percebido na composição da Assembleia Legislativa do Estado. Nada menos do que 29 dos 54 deputados estaduais trocaram de partido, de olho nas eleições de 2022.

continua após publicidade

O Partido Social Democrático (PSD), partido do governador Ratinho Júnior, tem a maior bancada da casa, com a filiação de 11 deputados estaduais, entre eles dois membros da mesa diretora. O partido do governador fica agora com uma bancada de 15 deputados. Migraram para o PSD, o presidente da Alep, deputado Ademar Traiano, que deixou o PSDB, e o primeiro secretário, Luiz Cláudio Romanelli, que era filiado ao PSB. Aliás, o PSB perdeu outros três deputados para o PSD, além de Romanelli: Alexandre Curi, Artagão Júnior e Tiago Amaral.

O PSDB também não perdeu apenas o presidente da Alep, Ademar Traiano. Também trocou a sigla pelo PSD, o Deputado Estadual Paulo Litro. Outros que mudaram para o PSD foram Adelino Ribeiro (ex-Patriota), Estacho (ex-PV), Evandro Araújo (ex-PSC), Gugu Bueno (ex-PL) e Pedro Paulo Bazana (ex-PV).

continua após publicidade

Outro partido que aumentou a bancada de deputado foi o PP, ao qual se filiaram o deputado Galo (ex-Podemos), Tião Medeiros (ex-PTB) e Guto Silva, que era chefe da Casa Civil e do partido do governador Ratinho Júnior (PSD). O PP já contava com os deputados Luiz Carlos Martins, Gilberto Ribeiro e Maria Victoria.

Além desses, Requião Filho deixou o PMDB para se filiar ao PT, acompanhando o pai, o ex-governador Roberto Requião.  

A segunda maior bancada da Alep é do PP, com seis deputados. Republicanos, União Brasil e PT tem 5 deputados na bancada, cada um.