Política

Fusca Clube de Apucarana diz que não estragou estradas

Da Redação ·
 Foto Juliano Sapatini, do Fusca Clube, ao fazer uso da palavra na tribuna da Câmara de Apucarana
fonte: Divulgação
Foto Juliano Sapatini, do Fusca Clube, ao fazer uso da palavra na tribuna da Câmara de Apucarana

Juliano César Sapatini, do Fusca Clube de Apucarana, esteve nesta semana na Câmara a fim deesclarecer que sua entidade nada tem a ver com os estragos causados nas estradas rurais domunicípio, conforme foi veiculado pela imprensa.

continua após publicidade

No último período de chuvas, agricultores de Apucarana mostraram-se revoltados com danos provocados nas estradas rurais e denunciaram como culpados, segundo a imprensa, “aventureiros em fuscacross e gaiolas, preparados para transitar em terrenos acidentados”. Tradição na zona rural da cidade, a realização de trilhas em estradas vicinais nos finais de semana, segundo os produtores, estaria danificando as vias.

Os veículos rodaram nas regiões do Bilotti, São Domingos, Tatuzinho e Quilômetro 28.

continua após publicidade

“Nosso objetivo é deixar bem claro que o Fusca Clube não tem qualquer responsabilidade quanto a esses problemas relatados. Todos os veículos associados ao Fusca Clube são numerados e identificados e nenhum deles teve qualquer participação nesses estragos”, garantiu Sapatini.


Ele também informou que o Fusca Clube é uma entidade filantrópica e que os associados não fazem trilha nos períodos chuvosos justamente para que não ocorram estragos nas estradas. “Não queremos que a imagem do Fusca Clube fique associada a problemas que nós não causamos”, frisou Sapatini. Alguns vereadores, como Marcos Martins (PTC), destacaram a importância da iniciativa do Fusca Clube. “Se realmente houve danos, é preciso que se apure e que se cobre de quem realmente os causou. O Fusca Clube demonstra, vindo aqui, sua consideração com os produtores rurais e com toda a população de Apucarana”, frisou o vereador.