Política

Governador nomeia 86 professores e 54 agentes

Da Redação ·
 Governador nomeia 86 professores e 54 agentes para universidades estaduais
fonte: Ricardo Almeida/AENotícias
Governador nomeia 86 professores e 54 agentes para universidades estaduais

O governador Beto Richa nomeou nesta quinta-feira (12) 86 novos professores e 54 agentes universitários para recompor os quadros de docentes e de servidores administrativos das universidades estaduais do Paraná. “Essas contratações estavam sendo aguardadas com ansiedade nas instituições de ensino superior, que enfrentavam dificuldades devido à falta de profissionais para suprir as necessidades acadêmicas, por conta de aposentadorias, demissões e mesmo falecimentos”, afirmou o secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Alípio Leal.

continua após publicidade

Leal informou que o governo Beto Richa está trabalhando para desburocratizar e acelerar o trâmite do processo administrativo, dando mais agilidade às nomeações para reposição e contratação de novos profissionais para as universidades. O processo passa por diversas secretarias e por isso chegava a demorar um ano e meio, em alguns casos. “As universidades, bem como os hospitais escola ligados a essas instituições, estão recebendo atenção maior, porque constituem grandes prioridades do governo Beto Richa”, afirmou Leal.

Os 86 novos docentes serão distribuídos para as seguintes instituições: Universidade Estadual do Centro-Oeste (11), Universidade Estadual de Londrina (27), Universidade Estadual de Maringá (46), Universidade Estadual do Norte do Paraná (2).

continua após publicidade

Os 54 novos agentes universitários serão distribuídos da seguinte forma: Universidade Estadual do Centro-Oeste (14), Universidade Estadual de Londrina (12), Universidade Estadual de Maringá (5), Universidade Estadual do Norte do Paraná (8), Universidade Estadual de Ponta Grossa (13) e Universidade Estadual do Paraná – Unespar/Fafipar (2).

Para o reitor João Carlos Gomes, da Universidade Estadual de Ponta Grossa, que está recebendo 13 novos servidores, as nomeações, bem como a atualização dos repasses de recursos para custeio das universidades, demonstram a preocupação do Governo do Paraná em dar condições para que as instituições continuem mantendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão. “Essas nomeações são importantes para manutenção e ampliação das atividades da universidade”, disse Gomes.

continua após publicidade

Julio Santiago Prates Filho, reitor da Universidade Estadual de Maringá, disse que a programação do governo para recompor os quadros de docentes e técnicos do ensino superior, substituindo os profissionais com contratos temporários por efetivos, vai fortalecer o ensino superior público estadual. “Essa medida contribui para aprimorar as atividades de ensino, pesquisa e extensão e garantir também a boa execução das atividades cotidianas das instituições de ensino”, disse o reitor da UEM.

O secretário Alípio Leal e o secretário da Fazenda, Luiz Carlos Hauly, estabeleceram a regularização de repasses financeiros para o custeio administrativo das instituições estaduais. Ficou determinado que cada universidade receberá semanalmente uma quantia previamente fixada. A regularização desses repasses acontecerá até o final deste semestre.