Política

Líderes decidem votar hoje duas MPs na Câmara

Da Redação ·
Na primeira reunião de líderes com Marco Maia à frente da presidência da Câmara, os líderes decidiram votar duas medidas provisórias na sessão de hoje: a MP 502, que institui o Bolsa Atleta; e a MP 504, que trata da Embrapa. Não houve acordo para votar a Medida Provisória 503, que cria o consórcio público denominado Autoridade Pública Olímpica. Essa MP cria 484 cargos de confiança e comissionados e dá um cheque em branco à Autoridade Pública Olímpica. "A MP não estabelece critérios de fiscalização do que será gasto. Estamos de acordo com a criação de uma autarquia, mas a MP precisa ser debatida com mais profundidade", afirmou o líder do DEM, deputado Antônio Carlos Magalhães Neto. Ele não aceitou a inclusão dessa MP na sessão de hoje. Maia anunciou, ao final da reunião, que criou uma comissão especial, formada por 40 integrantes de diversos partidos, para discutir a reforma política. A comissão tem prazo de 180 dias e, segundo Maia, se ela conseguir avançar nas discussões, as mudanças políticas eleitorais poderão ser votadas ainda neste semestre. "É uma matéria difícil, complexa", disse.
continua após publicidade