Política

Bloqueio de conta deve atrasar salários em Califórnia

Da Redação ·
 Prefeito Amauri Baricchello afirma que bloqueio destina ao pagamento dos servidores impedirá a liberação da folha de janeiro
fonte: Arquivo TN
Prefeito Amauri Baricchello afirma que bloqueio destina ao pagamento dos servidores impedirá a liberação da folha de janeiro

O prefeito de Califórnia, Amauri Baricchello (PSL), informou ontem que terá dificuldades para pagar os salários de janeiro do funcionalismo. Segundo ele, o motivo é que o juiz da Vara do Trabalho de Apucarana, Daniel José de Almeida Pereira, determinou ontem o bloqueio de R$ 123.399,65 da Conta Folha Pagamento da Prefeitura, da agência do Banco do Brasil de Marilândia.

continua após publicidade


O dinheiro deverá ser utilizado para liquidação de precatórios conforme ações movidas por funcionários referentes a reclamações trabalhistas que vêm de gestões anteriores. O montante corresponde a quase metade da folha salarial de janeiro, que é de R$ 280 mil e que estava pronta para ser liberada no final deste mês.


Baricchello ficou sabendo do sequestro dos recursos ontem à tarde, quando encontrava-se em Curitiba, e lamentou a decisão judicial. Ele argumenta que todos os precatórios trabalhistas vêm sendo negociados pela administração municipal e sendo pagos de acordo com as possibilidades do Município. Desta vez, não houve acordo com as partes interessadas que, conforme assinala, seriam 13 funcionários que entraram com ação coletiva.

continua após publicidade


“Não sei como fazer para pagar os salários de janeiro do funcionalismo”, diz o prefeito, destacando que o montante bloqueado pela Justiça do Trabalho é muito grande. Ele espera que a última parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), a ser repassada no dia 30 pelo Tesouro Nacional, venha em um volume suficiente para cobrir esta diferença.