Política

Richa toma posse como governador do Paraná

Da Redação ·
 O governador Beto Richa chega à Assembleia Legislativa acompanhado da esposa Fernanda Richa
fonte: Divulgação
O governador Beto Richa chega à Assembleia Legislativa acompanhado da esposa Fernanda Richa

Beto Richa (PSDB) tomou posse como governador do Paraná em uma cerimônia realizada na Assembleia Legislativa do Paraná na manhã deste sábado (1). O governador e seu vice, Flávio Arns (PSDB), prestaram o compromisso constitucional — “Prometo cumprir e fazer cumprir a Constituição da República e a do Estado, observar as leis e promover o bem-estar geral do povo paranaense”. Logo depois, eles assinaram os termos de posse no mandato de quatro anos.

continua após publicidade

No primeiro discurso oficial de Richa como governador, ainda no plenário da Assembleia, ele enfatizou a construção de um novo Paraná, com uma sociedade mais justa e igualitária.

continua após publicidade

Do lado de fora, ele foi recepcionado por um grupo de moradores do bairro Parolin, de Curitiba, que aguardavam sua chegada. Além disso, uma faixa, que foi colocada do lado externo da casa, traz uma mensagem de incentivo para o novo governador do Paraná: “Beto Richa presidente do Brasil”, diz a faixa.

continua após publicidade

No plenário da Assembleia estão presentes deputados, políticos, os novos secretários e familiares. No local, o clima é de tranquilidade.

Transmissão de cargo

continua após publicidade

O governador descerá a rampa e vai passar em revista a tropa da Polícia Militar – três pelotões, a banda e a Guarda da Bandeira do Estado – que estará perfilada ao longo da Praça Nossa Senhora de Salete. O ato marca o início da segunda fase da cerimônia de posse. No recém-reformado Palácio Iguaçu, Richa, ao lado da família, sobe pela primeira vez como governador ao gabinete que já foi ocupado por seu pai.

continua após publicidade

No Palácio, a família Richa e a família do governador Orlando Pessuti (PMDB) devem realizar uma reunião por cerca de 15 minutos. A confraternização entre os governadores servirá para que o cerimonial consiga acomodar as autoridades em cadeiras plásticas dispostas na tenda armada em frente ao palco montado em uma das pontas da marquise do Palácio.

Neste palco, Richa e Pessuti devem dar início à transmissão de cargo do governador, por volta das 11h30. De acordo com o planejado pelo cerimonial do governo, o atual secretário da Casa Civil, Ney Caldas, lerá o termo de investidura no cargo de Richa e de Arns. Em seguida, Pessuti fará um discurso de transferência de cargo, se despedirá da função e deixará o Palácio.

Perto do meio-dia, o governador Beto Richa tomará suas primeiras ações oficiais no mandato: empossará os novos secretários de Estado, começando pelo chefe da Casa Civil, Durval Amaral, e por Flávio Arns, que será secretário da Educação. No palco de autoridades, o arcebispo de Curitiba, dom Moacir Vitti, dará então a bênção ao novo governador. Ainda não foi confirmado se um pastor evangélico também estará presente na solenidade.