Política

Mau tempo pode mudar desfile de Dilma

Da Redação ·
 Sósia de Dilma desfila em carro aberto durante ensaio da posse
fonte: José Cruz/Agência Brasil
Sósia de Dilma desfila em carro aberto durante ensaio da posse

A Esplanada dos Ministérios, por onde a presidente eleita, Dilma Rousseff, desfilará amanhã (1º), já está preparada para a festa. Se a chuva persistir, o trajeto em carro aberto – um Rolls-Royce – será substituído por um automóvel coberto. Dilma e o vice-presidente eleito, Michel Temer, sairão, em carros separados, por volta das 14h15, da Catedral rumo ao Congresso Nacional, depois ao Palácio do Planalto e em seguida ao Itamaraty.

continua após publicidade

A expectativa é que cerca de 1.700 pessoas compareçam ao Congresso, número que deve ser semelhante no Planalto. Cerca de 2.500 devem ir ao coquetel que será oferecido no Itamaraty. No Congresso, Dilma fará o compromisso constitucional, quando dará a palavra que vai honrar e desempenhar da melhor forma possível o cargo de presidente da República. Ela pretende fazer um discurso de 40 minutos.

Em seguida, Dilma e Temer vão para o Planalto. Na rampa do palácio, Dilma será recebida pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por volta das 16h30. No parlatório, que fica do lado de fora do prédio, ela vai receber a faixa presidencial de Lula. No local, ela faz um discurso à nação, no qual deve relacionar suas prioridades e compromissos para os quatro anos de gestão.

continua após publicidade

O parlatório fica de frente para a Praça dos Três Poderes, onde deverá estar a maior concentração de pessoas de toda a Esplanada dos Ministérios. Ainda no Planalto, Dilma dará posse ao novo ministério e posa para a foto oficial com a toda a equipe. Convidados estrangeiros e brasileiros poderão acompanhar, mas não terão tempo para cumprimentá-la.

Os apertos de mão e eventuais abraços e beijos ficarão para o coquetel no Itamaraty – na chamada Sala Duas Épocas, que fica no 3º andar. Porém, cada autoridade terá, no máximo, 30 segundos para conversar com a presidente.

No Itamaraty, o coquetel para cerca de 50 autoridades estrangeiras e mais de 2.000 brasileiras serão servidos vinho nacional – da Casa Valduga -, refrigerantes, sucos e pratos leves. A previsão é que as comemorações acabem por volta das 21h.