Política

MP apura descarte de cartões do Bolsa-Família em lixão

Da Redação ·
O Ministério Público Federal (MPF) em Goiás investiga irregularidades na execução do programa Bolsa-Família no município goiano de Mutunópolis. De acordo com informações recebidas pelo órgão, pelo menos 47 cartões do programa teriam sido encontrados no depósito de lixo da cidade.

O MPF instaurou inquérito civil público para apurar as possíveis irregularidades. "Queremos saber se houve ações e omissões dos gestores do programa em Goiás, sobretudo na cidade de Mutunópolis", afirma o procurador Ailton Benedito de Souza.


O procurador expediu recomendação à Secretaria Estadual de Cidadania e Trabalho de Goiás e ao município de Mutunópolis, requisitando em um prazo de dez dias informações para esclarecer o extravio dos 47 cartões.


O Bolsa-Família é um programa federal de transferência direta de renda com condicionantes, destinado a famílias em situação de pobreza.

continua após publicidade