Política

Lula: Dilma pegará o País a 120 quilômetros por hora

Da Redação ·

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje que a presidente eleita, Dilma Rousseff, "vai pegar o País a 120 quilômetros por hora". Segundo o presidente, Dilma "poderá se dar ao luxo de colocar o pé no freio, brecar, se quiser".

continua após publicidade

Ao final de seu discurso, durante solenidade do balanço de quatro anos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o presidente alertou que "não podemos" perder de vista a estabilidade econômica, a responsabilidade fiscal e o controle da inflação. Ele alertou que "se o trem descarrilar, é difícil colocá-lo novamente no trilho".

continua após publicidade

Voltando-se para o presidente da Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib), Paulo Godói, disse que o empresário deveria dizer "nunca antes" na história desde que ele (Godói) é empresário, viu uma quantidade tão grande de investimentos públicos em infraestrutura como agora. A plateia riu do presidente diante de seu famoso bordão, muito utilizado durante os seus dois mandatos.

continua após publicidade

Lula disse que não se trata apenas de investimento, mas também do pagamento em dia das obras. O presidente disse que, no passado, as empreiteiras colocavam as máquinas nas ruas e não recebiam o pagamento, e as obras ficavam paradas. Agora, disse Lula, as empresas têm recebido em dia. "Há um excesso de pagamento", afirmou.

O presidente também contou que a primeira-dama, Marisa Letícia, resolveu "tirar o mofo" de seu apartamento e fazer algumas reformas e não está encontrando pedreiro para fazer o trabalho. Ele disse que essa crise "é maravilhosa", de excesso de pagamento em dia e excesso de mão de obra (ocupada). Lula enfatizou que "o País está atravessando uma fase excepcional".