Política

Serra garante que não concorre à sucessão de Kassab

Da Redação ·
  Ex-presidenciável afirmou a sindicalistas que não vai deixar a política
fonte: googleimagens.com
Ex-presidenciável afirmou a sindicalistas que não vai deixar a política

O candidato derrotado à Presidência da República pelo PSDB, José Serra, descartou ontem a possibilidade de concorrer à prefeitura de São Paulo na eleição municipal de 2012. Em reunião com cerca de 200 sindicalistas, num hotel na zona norte da capital paulista, o tucano disse que não pretende concorrer ao cargo que disputou em 2004. Afirmou, no entanto, que pretende continuar na política, mas não deu pistas se entrará na corrida presidencial de 2014.

continua após publicidade

- Não sou candidato em 2012, mas continuo na política, que faço com prazer há muitos anos.

continua após publicidade

Segundo relato de sindicalistas que estiveram presentes ao encontro, o ex-governador paulista deu a declaração após ouvir da plateia manifestações sobre seu futuro político e a disputa pela prefeitura.

continua após publicidade

Recluso desde que perdeu a eleição presidencial deste ano, Serra aceitou convite para participar de uma reunião da Executiva Nacional da UGT (União Geral dos Trabalhadores).

Integrantes da entidade manifestaram apoio ao tucano durante a corrida eleitoral deste ano. Em julho, o então candidato compareceu a um encontro da UGT em São Paulo, onde recebeu carta de apoio à sua candidatura, assinada por 12 das 20 representações da entidade. Todas as regionais que na ocasião declararam o apoio a Serra eram das regiões Norte e Nordeste.