Política

'Vou governar com ideias próprias', diz Beto Richa

Da Redação ·
 Beto afirmou que, em seu governo, as portas estarão abertas para todos os prefeitos
fonte: Divulgação
Beto afirmou que, em seu governo, as portas estarão abertas para todos os prefeitos

Em sabatina promovida pela Associação dos Municípios do Paraná nesta segunda-feira (30/8), Beto Richa afirmou que será um parceiro dos prefeitos e fará um governo de portas abertas, com transparência e metas claras. “Farei um governo austero, que terá metas a cumprir estabelecidas em contrato de gestão”, disse Beto. “Não preciso de padrinho político. Vou governar com ideias próprias, como fiz em Curitiba, onde minha gestão foi testada e aprovada pela população.”

continua após publicidade
continua após publicidade

Beto afirmou que, em seu governo, as portas estarão abertas para todos os prefeitos. “Sempre defendi a causa municipalista. Fui prefeito e sei da realidade dos municípios. Vou cumprir as obrigações do Estado que não foram cumpridas nos últimos anos”, disse Beto.

continua após publicidade

Ao ser questionado sobre como resolver o problema do transporte escolar, que onera os municípios, Beto assegurou que vai mudar essa situação. O transporte escolar no Paraná custa R$ 210 milhões por ano.


Os municípios pagam R$ 150 milhões, o Governo do Estado paga R$ 30 milhões e o Governo Federal, outros R$ 30 milhões. É um peso muito grande para os municípios, que ficam com a maior parte. Beto vai reverter essa situação. “Outros estados brasileiros repassam 70% e até 100% desse custo. Assim, os prefeitos podem investir em outras áreas: na melhoria da qualidade do ensino, na saúde, na infraestrutura viária, nas estradas rurais”, disse Beto.

continua após publicidade

12% para a Saúde, com Resgate Aéreo

continua após publicidade

Na Saúde, Beto vai começar cumprindo o que estabelece a Constituição: investir 12% da receita líquida corrente exclusivamente na saúde. “Tem candidato que acha que está tudo bem, colocando na conta da saúde programas sociais. Ora, os programas sociais também são muito importantes, mas não se pode misturar as coisas para inflar os números. Vou aplicar exatamente o que a lei determina, sem misturar dinheiro da saúde com outros programas. Isso vai significar um ganho anual de mais R$ 300 milhões para a saúde”, garantiu Beto.

continua após publicidade

Richa anunciou que a saúde dos paranaenses terá muito a ganhar em seu governo, com hospitais regionais realmente equipados e com profissionais, com o programa Mãe Paranaense, com os Centros Regionais de Atenção Especializada e o Resgate Aéreo para emergências. “Teremos hospitais que realmente funcionem, com médicos, equipamentos e remédios. Com o transporte aéreo, salvaremos muitas vidas, que hoje se perdem nas ambulâncias”, disse.

O serviço de Resgate Aéreo será composto de 4 helicópteros que cobrirão todo o Estado. “Este é um serviço moderno, com resultados comprovados, que já existe em outros estados, como Paraná e Santa Catarina, e salva vidas”, disse Richa.

continua após publicidade

“Nada de obras goela abaixo”

continua após publicidade

Sobre o repasse de recursos do ICMS e ICMS Ecológico, Richa disse que vai compensar as cidades que têm áreas de preservação ambiental, que restrinjam construções e implantação de indústrias. Sobre o Fundo de Desenvolvimento Urbano (FDU), Richa afirmou que prefeito não “vai precisar engolir obras goela abaixo”. “Quem define a prioridade das obras em cada cidade será o prefeito, que é quem realmente sabe o que o município precisa.”

continua após publicidade

Beto respondeu aos prefeitos que vai quitar a dívida que existe entre o Governo do Estado e as prefeituras por atraso do ICMS. O Governo deve R$ 90 milhões, o que motivou uma ação judicial movida pela AMP.
“Vou cumprir o que determina a lei. Leis e decisões judiciais são para ser cumpridas”, afirmou Beto.

Infraestrutura e asfalto para os municípios

Beto vai investir na melhoria da infraestrutura do Paraná. Serão criadas 60 patrulhas rodoviárias, equipes de manutenção e pavimentação, que vão recuperar as estradas rurais, atendendo as prioridades estabelecidas pelos municípios. “Vou dar acesso asfaltado a todos os municípios paranaenses”, disse.

Beto também se comprometeu a usar a estrutura da Copel, com sua rede de fibra ótica, para levar banda larga a todos os municípios. “As escolas terão acesso, a saúde terá prontuário eletrônico e as polícias poderão planejar ações de inteligência”, afirmou. “A Copel, assim como a Sanepar e o Porto de Paranaguá, serão usados como indutores do desenvolvimento no Paraná.”

Compromisso com a agricultura

“A Emater está sendo sustentada pelas prefeituras. A Emater é do Governo do Estado e vai ser custeada pelo governo, ganhando mais profissionais e mais recursos para pesquisas”, disse Beto, que reafirmou: seu compromisso é com o agricultura, com o respeito à propriedade e o direito à terra.