Política

Moro condena José Dirceu a 23 anos de prisão

Da Redação ·
 José Dirceu  imagem ilustrativa (Foto: Joel Rodrigues/Frame/Estadão Conteúdo/Arquivo)
José Dirceu imagem ilustrativa (Foto: Joel Rodrigues/Frame/Estadão Conteúdo/Arquivo)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O juiz Sergio Moro condenou a 23 anos e três meses de prisão o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. A condenação foi publicada nesta quarta-feira (18) e refere-se aos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e de "pertinência à organização criminosa". Os crimes foram investigados dentro do âmbito da Operação Lava Jato.

Na decisão, Moro afirma que o "mais perturbador" é que Dirceu continuou a receber propinas e praticar crimes mesmo enquanto estava sendo julgado pelo STF no caso do Mensalão.

A decisão foi proferida em primeira instância e ainda cabe recurso. O ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto também foi condenado. A pena proferida foi de nove anos de prisão.

continua após publicidade