Política

Favorecidas: Lista de Alberto Youssef cita 750 obras públicas

Da Redação ·
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Decisão do juiz Sérgio Moro aponta que planilha encontrada com o doleiro Alberto Youssef lista 750 obras públicas que somam quase R$ 12 bilhões, segundo reportagem do Jornal Nacional. As informações são do G1.

continua após publicidade

O documento pode representar indício de que crimes de corrupção e propina atingem outros setores e empresas públicas, além da Petrobras.

No documento que cita a lista apreendida com o doleiro preso, Sérgio Moro afirma que, “embora a investigação deva ser aprofundada quanto a este fato, é perturbadora a apreensão desta tabela nas mãos de Alberto Youssef”. Segundo ele, a lista sugere que “o esquema criminoso de fraude à licitação, sobrepreço e propina vai muito além” da estatal.

continua após publicidade

O Jornal Nacional teve acesso à tabela apreendida com o doleiro. Segundo investigadores, trata-se de um controle organizado, que descreve construtoras como clientes. Algumas dessas empresas já são investigadas e têm executivos presos. A tabela também dá detalhes sobre cada obra e valor.

O juiz Sérgio Moro afirma que ainda é cedo para dizer que houve pagamento de propina nas 750 obras que estão na lista. Mas investigadores ressaltam que a planilha reforça a versão dada por Paulo Roberto Costa à Justiça e à CPI de que o que acontecia na Petrobras ocorre no Brasil inteiro. O documento está orientando novas apurações sobre a dimensão do esquema.

Confira matéria completa AQUI