Política

Alesp chama diretor da Medicina da USP para 2ª audiência sobre estupros

Da Redação ·
IMAGEM g1.COM
IMAGEM g1.COM

A Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) vai promover uma nova audiência pública para discutir as denúncias de estupro, tentativa de estupro e ameaças conta estudantes de medicina da Universidade de São Paulo (USP). Segundo o deputado Adriano Diogo (PT), a audiência foi marcada para a tarde desta terça-feira (25) e entre as pessoas convidadas a prestar depoimento estão o diretor da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), José Otávio Costa Auler Junior, o vice-diretor, Edmund Chada Baracat, e representantes da Reitoria.

continua após publicidade

Segundo a assessoria de imprensa do deputado, também estão sendo convidados seis estudantes ligados a gestões atuais e antigas do Centro Acadêmico Oswaldo Cruz (Caoc), da Associação Atlética Acadêmica Oswaldo Cruz (AAAOC) e do Show Medicina. Um deles, já formado em medicina, atualmente é residente.

Na próxima semana, a diretoria da FMUSP também vai se reunir com Paula Figueiredo Silva, da Promotoria de Justiça dos Direitos Humanos do Ministério Público de São Paulo. Paula conduz um inquérito para apurar se a Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) foi omissa na investigação e punição das denúncias. A pauta desta reunião será orelatório de propostas para combater a violência no campus, elaborado por uma comissão da faculdade neste ano.