Política

Richa entrega novos equipamentos para o Hospital Universitário

Da Redação ·
Foto: Daniel Procópio/ UEL
Foto: Daniel Procópio/ UEL

O governador Beto Richa entregou nesta quinta-feira (23) novos equipamentos para o Hospital Universitário de Londrina. O Hospital, que pertence à Universidade Estadual de Londrina (UEL) e é referência em atendimento de alta complexidade materno-infantil no Estado, recebeu oito incubadoras neonatal e dez aparelhos de fototerapias - que são utilizados para o banho de luz em recém-nascidos. Também foi entregue um novo aparelho raio-x. O investimento soma R$ 310 mil. 

O HU de Londrina recebe cerca de 12 mil pacientes por mês, de cerca de 150 municípios paranaenses e também de outros estados. “Os novos equipamentos, que vão garantir um atendimento ainda melhor aos pacientes, se somam a outros importantes investimentos já assegurados pelo Governo do Estado”, disse o governador. 

Ele ressaltou que, neste ano, o governo estadual já destinou R$ 12,8 para viabilizar a construção da nova maternidade do HU e mais R$ 8 milhões para a Clínica Odontológica da Universidade Estadual de Londrina. Ambos estão em processo de licitação. 

“São ações importantes para reestruturar o Hospital Universitário e garantir um atendimento melhor, mais ágil e de mais qualidade à população de Londrina e região”, afirmou Richa. 

“Faremos ainda mais pela saúde dos paranaenses”, ressaltou o governador. Richa disse que em todas as pesquisas feitas junto à população, a grande prioridade apontada é uma saúde pública com mais qualidade e mais agilidade. 

“Acima de tudo, o que desejamos é um atendimento mais humano na área da saúde. Portanto, eu reconheço a todos os profissionais da saúde pela extrema dedicação que têm a esta causa, que é muito nobre”, afirmou Richa. 

O prefeito Alexandre Kireeff também ressaltou a importância das ações em Londrina. “Os esforços que o governo estadual vem fazendo tem realmente promovido os avanços que precisamos na nossa cidade na área da saúde”, disse ele. “Temos desafios gigantescos a serem superados e é com parcerias como essa que construiremos a melhor estrutura de saúde possível”, declarou. 

MODERNIZAR – Para a reitora da Universidade Estadual de Londrina, Berenice Quinzani Jordão, os novos equipamentos chegam em boa hora. “Esse apoio traz aos nossos profissionais, e principalmente à população, grande benefício no atendimento. Com certeza, essa ação acrescenta auto-estima aos servidores deste hospital e nos um dará apoio maior para garantirmos qualidade dos serviços prestados”, afirmou a reitora. 

Os novos equipamentos irão atualizar o parque do hospital. “Com as novas incubadoras e fototerapias, vamos melhorar ainda mais estes serviços e suprir a demanda da UTI Neonatal, que conta hoje com sete leitos e chega a atender até 14 bebês por dia”, disse a superintendente do HU, Elizabeth Silva Ursi. 

Ela explicou que as oito novas incubadoras irão se somar às 21 unidades que o HU já possui e que atendem sete leitos de UTI Neonatal e dez leitos da Unidade de Cuidados Intermediários (UCI Neonatal), além de crianças em atendimentos nos consultórios do Pronto Socorro. O equipamento proporciona aos recém-nascidos, principalmente aos prematuros, um ambiente termoneutro, controlado pelos fatores fluxo de ar interior, umidade e temperatura. 

Já os aparelhos de fototerapia são utilizados no tratamento de icterícia neonatal, que causa um amarelado da pele dos bebês, resultados da imaturidade do fígado. Atualmente, o HU possui seis fototerapias, que também atendem as UTIs e UCIs neonatais e a ala pediátrica do Pronto Socorro.

MERECEDOR - O superintendente de unidades hospitalares próprios do Estado, Charles London, da Secretaria Estadual da Saúde, afirmou que o repasse dos novos aparelhos é uma continuidade do nosso programa de reestruturação dos hospitais e investimento nos hospitais universitários e hospitais próprios do Paraná. “O Hospital Universitário tem uma importância enorme no atendimento a Londrina e região e é merecedor da atenção do governo estadual”, afirmou. 
 

continua após publicidade