Política

Cerca de 400 protestam por moradia na região central de Belo Horizonte

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Cerca de 400 protestam por moradia na região central de Belo Horizonte
fonte: Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil
Cerca de 400 protestam por moradia na região central de Belo Horizonte

BELO HORIZONTE, MG - Cerca de 400 pessoas de diversos movimentos sociais se reúnem no começo da tarde desta quinta-feira (12), na Praça 7, região central de Belo Horizonte, em protesto ao primeiro dia da Copa do Mundo. 

continua após publicidade

Assim como foi registrado em Fortaleza, o protesto programado mais cedo, o clima é de tranquilidade, segundo a Polícia Militar.

"A nossa luta é pela moradia, contra a homofobia, pela cidadania. Queremos nossos direitos, queremos um lugar digno para morar", afirma Juliana Alves, moradora da ocupação William Rosa. A reivindicação pelo transporte público também está na pauta do protesto, com a participação do movimento Tarifa Zero BH.

continua após publicidade

Desde cedo, a região central da cidade é monitorada ostensivamente pela PM. Helicópteros da corporação sobrevoam regularmente a capital mineira, que recebe segurança também da Tropa de Choque.

Apesar do grande efetivo, a Polícia Militar informou que a expectativa para o dia é de tranquilidade. Até as 13h, muitos manifestantes foram revistados, assim como profissionais da imprensa. Um manifestante foi flagrado com um soco inglês e o conduziu à delegacia por porte de arma branca.