Política

Dilma diz que não ficou brava com declarações de Ronaldo

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Dilma diz que não ficou brava com declarações de Ronaldo
fonte: Foto: arquivo
Dilma diz que não ficou brava com declarações de Ronaldo

BRASÍLIA, DF - Após ser questionada a respeito das declarações do ex-jogador Ronaldo sobre a Copa, a presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira (26), depois de evento no Palácio do Planalto, que não ficou brava com ele.

continua após publicidade

Na última sexta-feira (23), Ronaldo disse se sentir envergonhado com os atrasos e dificuldades do país nos preparativos para o torneio. Ele culpou os governos por problemas como descumprimento de prazos e burocracia.

"E de repente chega aqui é essa burocracia toda, uma confusão, um disse me disse, são os atrasos. É uma pena. Eu me sinto envergonhado, porque é o meu país, o país que eu amo, e a gente não podia estar passando essa imagem para fora", afirmou o ex-jogador.

continua após publicidade

A declaração de Ronaldo rendeu no último sábado (24) uma resposta de Dilma: "Tenho certeza da nossa capacidade, do que fizemos, das nossas realizações. Não temos por que nos envergonhar. E não temos complexo de vira-latas, tão bem caracterizado por Nelson Rodrigues se referindo aos eternos pessimistas sempre".

Dilma não deu entrevista após o evento em Brasília, sobre agricultura familiar. Apenas respondeu à pergunta e evitou mais questionamentos.