Política

PT relança Dilma e Lula diz que não há outro candidato

Da Redação ·
PT relança Dilma e Lula diz que não há outro candidato (Foto: Arquivo)
PT relança Dilma e Lula diz que não há outro candidato (Foto: Arquivo)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aproveitou discurso ontem (2) à noite, durante encontro nacional do PT, para esvaziar o movimento "volta, Lula" e garantiu que a candidata do partido à Presidência da República é Dilma Rousseff.

"É preciso parar de imaginar que existe outro candidato. Quando a gente brinca com isso os adversários aproveitam, não podemos gastar energia com isso", afirmou o ex-presidente.

A declaração do petista ocorre em meio ao coro de aliados e de petistas pela substituição da presidente por Lula na corrida presidencial. Observado por Dilma, o ex-presidente procurou abafar a movimentação ontem à plateia de militantes.

"Se um dia eu tiver que ser candidato a alguma coisa, a primeira pessoa a saber será a companheira Dilma".

O petista disse também que essa não será uma eleição fácil e que estará à disposição da presidente para fazer campanha. "Só você preparar a agenda que Lulinha estará junto com você".

Lula brincou ao afirmar que, diferentemente de Dilma, não está subordinado aos acordos eleitorais que Rui Falcão fez com aliados. Portanto, poderá comparecer a palanques a que Dilma não irá.

Durante o discurso, Lula defendeu os condenados no mensalão José Genoino e José Dirceu, presos na Papuda, em Brasília. Para o ex-presidente, há uma "perseguição" contra o PT, criticando que não há o mesmo tratamento na imprensa para o mensalão mineiro.

Lula criticou duramente a imprensa ao afirmar que é o maior "partido de oposição" e defendeu que haja uma recuperação da imagem do PT.
 

continua após publicidade