Política

Serra diz que PT tem tradição em fazer dossiês

Da Redação ·
 José Serra não poupou a adversária Dilma
fonte: Google Imagens
José Serra não poupou a adversária Dilma

O pré-candidato do PSDB à Presidência, José Serra, disse nesta quarta-feira (2) que o PT - principal adversário na disputa eleitoral - tem tradição em montar dossiês contra os concorrentes durante campanhas. O tucano, no entanto, afirmou que vai esperar que a cúpula petista se manifeste publicamente sobre o caso, antes de comentar a existência de um suposto novo dossiê montado pela campanha de Dilma Rousseff.

continua após publicidade

- Eu estava preferindo falar amanhã sobre isso. Estou querendo ver qual é a resposta do PT.

Reportagem da revista Veja relata que um grupo dentro da campanha da ex-ministra da Casa Civil teria dado início à produção de um dossiê para atingir o pré-candidato do PSDB. Segundo a revista, porém, a própria Dilma deu ordens para suspender a produção contra o tucano. Procurado pelo R7, o PT não quis comentar o suposto dossiê contra Serra.

continua após publicidade

O tucano, porém, não poupou a adversária e a responsabilizou pelas novas suspeitas. Segundo ele, dirigentes petistas fizeram o mesmo em eleições passadas.

- A principal responsabilidade por esse novo dossiê é da candidata Dilma Rousseff, não tenho dúvida. Assim como o principal responsável pelo dossiê dos "aloprados" [em 2006] foi o Mercadante [Aloizio Mercadante, então candidato ao governo paulista] e o principal pelo dossiê de 2002 foi o [Ricardo] Berzoini. O PT tem uma longa tradição nessa matéria, então caberá a eles explicarem o que aconteceu.

Serra falou à imprensa após acompanhar o Impostômetro - painel eletrônico que registra o valor dos tributos pagos no país, instalado em São Paulo - alcançar a marca de R$ 500 bilhões.