Política

Aécio critica atuação de Dilma no 2º semestre

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Aécio critica atuação de Dilma no 2º semestre
Aécio critica atuação de Dilma no 2º semestre

SÃO PAULO, SP, 5 de agosto (Folhapress) - O pré-candidato do PSDB à Presidência da República, senador Aécio Neves (MG), fez hoje críticas ao governo na presidente Dilma Rousseff e disse, que "é triste para o Brasil" que a primeira medida da presidente no segundo semestre de atividades políticas "resuma-se à liberação de emendas para parlamentares da base aliada".

"O governo terminou antes da hora. É um governo que não tem projeto. Qual é a marca do governo Dilma? É o retorno da inflação, o desarranjo da economia e a piora dos indicadores sociais", afirmou. Para o senador, a presidente retoma as relações com o Congresso "sob pressão".

Aécio, que é presidente do PSDB, afirmou ainda que seu partido lançará um "Portal Social" na internet, em que irá comparar os resultados de políticas sociais dos tucanos com os dos petistas. "Já que esse governo gosta tanto de comparações (...), queremos ir para a discussão no campo social, pois no campo da economia, é quase uma covardia", ironizou.
 

continua após publicidade
confira também



O senador participou de um jantar de apresentação do Festival de Cultura e Gastronomia de Tiradentes (MG), no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. Antes do evento, se reuniu reservadamente com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.

Serra

Questionado sobre especulações da possível saída de José Serra do PSDB, Aécio disse que não acredita numa dissidência do ex-governador. "Eu tenho dito que o José Serra é a cara do PSDB. Nenhum de nós tucanos acredita que ele estará em palanque diferente nas próximas eleições."