Política

Com visita do papa, Polícia Rodoviária inicia fiscalização nas estradas

Da Redação ·





RIO DE JANEIRO, RJ, 15 de julho (Folhapress) - A Polícia Rodoviária Federal iniciou hoje uma fiscalização em quatro rodovias de acesso à cidade do Rio de Janeiro.

O objetivo é prevenir acidentes com a apreensão de ônibus piratas que podem ser usados no transporte de peregrinos para a Jornada Mundial da Juventude, encontro internacional de jovens católicos que será realizado entre os dias 23 e 28 de julho na capital.

No Estado do Rio, quatro trechos são apontados pela polícia como perigosos: a Serra das Araras; Casimiro de Abreu, na Baixada Litorânea; Barra do Piraí, no sul fluminense; e Três Rios, na região serrana.

A polícia afirma que até os ônibus vazios, sem passageiros, estão sendo inspecionados -já que podem ser usados para transportar peregrinos na cidade do Rio. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, ao menos 800 acidentes envolvendo ônibus foram registrados, só este ano, em rodovias do Estado.

Vaticano

Ontem, o papa Francisco celebrou a oração do Angelus em Castel Gandolfo, cidade próxima a Roma onde fica a residência de verão dos pontífices. O pontífice pediu que a padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, guie os participantes da Jornada.

O papa lembrou que chegará ao Brasil no dia 22 de junho. Logo depois de uma recepção oficial no aeroporto internacional Tom Jobim (Galeão), o papa deverá ser reunir com a presidente Dilma Rousseff, no Palácio Guanabara, sede do governo fluminense.

No dia 24, o papa Francisco visita a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, em São Paulo, onde celebrará uma missa. Entre os dias 25 e 28 de julho, participa da Jornada Mundial da Juventude, além de ter uma programação paralela, que inclui visita a uma comunidade carente e encontro com presidiários. O papa retorna na noite do dia 28 para Roma.

 

continua após publicidade