Política

Câmara de Apucarana busca apoio para o Cense

Da Redação ·
 Secretária Fernanda Richa durante reunião com vereadores em Curitiba.
fonte: divulgação
Secretária Fernanda Richa durante reunião com vereadores em Curitiba.

Vereadores de Apucarana se reuniram, anteontem, com a secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, em Curitiba, para viabilizar a construção de um Centro Sócio Educativo (Cense) no município. Na semana passada, a Prefeitura afirmou que está em tratativas com o Governo do Estado para a implantação do órgão informando que os terrenos já foram disponibilizados para construção do centro.

Diante do interesse demonstrado pelo Legislativo e Executivo, a secretária Fernanda Richa comentou que a visita da comitiva sinalizou de forma afirmativa para a solicitação da obra. “É extremamente positivo receber os vereadores de Apucarana. Isso significa um grande avanço no pensamento dos gestores municipais com relação à garantia dos direitos desses adolescentes. Temos sim interesse em construir um novo Centro de Socioeducação no município e vamos trabalhar para concretizar esta obra”, disse a secretária Fernanda Richa através de assessoria.

O projeto visa construir um local com capacidade para abrigar 80 adolescentes em conflito com a lei. A construção da obra pode solucionar problemas como a falta de vagas para internação de adolescentes infratores. Segundo a Secretaria da Infância e Juventude, em Apucarana, 18 menores foram sentenciados este ano por tráfico de drogas, roubo e homicídio. No entanto, todos estão livres a espera de vagas.

“Quando o adolescente vai para o centro, tem oportunidade de receber uma ótima formação profissional e na maioria das vezes é totalmente transformado”, explicou o vereador Luciano Molina (PMDB), que participou da visita juntamente com os vereadores Vladmir Jose da Silva (PDT), Telma Reis (PMDB), Gilberto Cordeiro de Lima (MD), José Antoniassi (PSDB), Antônio Ananias (PSDB) e o presidente da Câmara José Airton de Araújo, o Deco (PR).

A vereadora Aurita Bertoli (PT), que também esteve no encontro, afirma que os vereadores tiveram "a total garantia de que a verba será liberada após a disponibilização de um terreno que cumpra os padrões necessários para a construção do Cense”.

continua após publicidade