Política

Sobrinha de Joaquim Barbosa é demitida após críticas a Renan

Da Redação ·

Por Gabriela Guerreiro e Andreza Matais BRASÍLIA, DF, 15 de fevereiro (Folhapress) - Uma sobrinha do presidente do STF, Joaquim Barbosa, e uma colega dela foram demitidas do Senado por compartilharem na rede social Facebook foto de um rato encontrado na gráfica da Casa com a legenda: "E a gente que achou que o único problema aqui fosse o Renan Calheiros". As duas eram estagiárias no Senado. O Senado confirmou a demissão das duas jovens, mas manteve seus nomes em sigilo. Em nota, afirmou: "O Senado agiu de acordo com as normas vigentes ao tomar conhecimento de um ato de indisciplina." O Senado também afirma que as duas postaram as fotos no horário de trabalho "usando ferramentas de trabalho", o que diz ser uma infração às regras de estágio da Casa. O caso foi revelado pelo jornal "Correio Braziliense". Ariadina Barbosa Gomes Oliveira é filha de uma irmã do ministro Joaquim Barbosa. Ela estagiava na secretaria de Recursos Humanos, que fica nas mesmas dependências da gráfica onde o rato foi encontrado. A reportagem não conseguiu localizá-la. A assessoria do ministro disse que ele não irá comentar o assunto. "Decidimos fazer em forma de protesto até porque o lugar está cheio de ratos de verdade", afirmou Laura Meirelles, a outra estagiária. Segundo ela, as fotos foram postadas do celular e não do computador do Senado e no horário de trabalho porque o rato foi encontrado durante o expediente. O Senado tem cerca de 500 estagiários. Uma secretaria para cuidar dos estagiários foi criada na época de Agaciel Maia para acomodar a mulher dele, que não está mais no cargo. Após a eleição para a presidência do Senado, o senador Renan Calheiros tem sido alvo de críticas na internet. Um abaixo assinado com pedido para que ele se afaste do comando da Casa já tem mais de 1,5 milhão de assinaturas.  

continua após publicidade