Política

Joel Garcia retorna à Câmara e ameaça processar MP

Da Redação ·
 Joel Garcia criticou a imprensa por dar mais destaque, segundo ele, aos processos a que responde na Justiça do que às suas ações legislativas
fonte: Cleber Rocha/Câmara
Joel Garcia criticou a imprensa por dar mais destaque, segundo ele, aos processos a que responde na Justiça do que às suas ações legislativas

A sessão desta quinta-feira (25) da Câmara de Londrina foi marcada pela volta do vereador Joel Garcia (PDT), colocado em liberdade na véspera após 54 dias preso, acusado de tentar constranger testemunhas em processo em que é investigado por peculato.

continua após publicidade

Segundo Garcia, a sua prisão foi "ilegal e autoritária". O vereador afirmou que vai processar os integrantes do Ministério Público, que pediram a prisão. A defesa do vereador tentou obter habeas corpus para livrá-lo da reclusão durante os quase dois meses em que ele esteve detido, sem êxito em nenhuma instância do Judiciário. Ontem, Garcia foi solto por ordem do juiz Delcio Miranda, da 2ª Vara Criminal, porque foi encerrada a fase de tomada de depoimentos do processo.

O vereador também criticou a imprensa por dar mais destaque, segundo ele, aos processos a que responde na Justiça do que às suas ações legislativas. E disse que não vai se calar. "Vão ter que me matar para isso", desafiou.

continua após publicidade

As informações são do site Londrix