Política

“Vamos passar Apucarana a limpo”, afirma Beto Preto

Da Redação ·
 Beto nasceu em Apucarana e se envolveu na política ainda na infância, participando de eleições com o pai
fonte: Tribuna do Norte
Beto nasceu em Apucarana e se envolveu na política ainda na infância, participando de eleições com o pai

Com o aval do governo federal, o prefeito eleito de Apucarana, Carlos Alberto Gebrim Preto, o Beto Preto (PT), e o vice eleito Sebastião Ferreira Martins Júnior, o engenheiro e ex-vereador Júnior da Femac (PDT), tomarão posse na próxima terça-feira, dia 1º de janeiro, como os novos gestores da maior cidade do Vale do Ivaí. A solenidade, que também empossará os 11 vereadores eleitos para legislatura 2013-2016, acontecerá às 9 horas, no Cine Teatro Fênix, e marcará a entrada de novas lideranças na Prefeitura após 12 anos de administração por um mesmo grupo político.

continua após publicidade


Beto nasceu em Apucarana e se envolveu na política ainda na infância, participando de eleições com o pai, o ex-preso político Pedro Preto. Aos 44 anos, encabeçou a coligação majoritária “Para Apucarana Mudar”, vencendo o último pleito com 31.647 votos, o equivalente a 44,71% da preferência do eleitorado apucaranense. O petista desbancou outros quatro candidatos – o peemedebista João Carlos de Oliveira, que buscava a reeleição e obteve 20.449 votos (28,96%); o tucano Sérgio do Cristma, que conquistou 13.990 votos (19,76%); a então vereadora Lucimar Scarpelini (PP), com 4.042 votos (5,71%); e o comerciante Armando Diadosk (PSOL), que fez 611 votos na disputa.

continua após publicidade


Apoiada por 10 partidos, a vitória de Beto surpreendeu nos bairros e veio na terceira vez em que o médico se candidatou a prefeito de Apucarana. “Disputei três vezes as eleições dessa cidade amada e por duas vezes a população me reservou o segundo lugar. Agora, tive uma votação expressiva”, avalia ele.



Leia a matéria completa na edição deste domingo da Tribuna do Norte - Diário do Paraná