Política

Assembleia aprova salário de R$ 20,6 mil para governador

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 19 de dezembro (Folhapress) - A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo aprovou anteontem reajuste de 10,3% no salário do governador Geraldo Alckmin (PSDB), que passa de R$ 18.725 a R$ 20.662. O projeto aguarda sanção do governador. O reajuste, se sancionado pelo governador, vai provocar efeito cascata nos vencimentos do Estado, pois o salário de Alckmin é o teto do funcionalismo de São Paulo. Também vão receber aumento o vice-governador, Guilherme Afif -R$ 19.629-, e os secretários de Estado, que passarão a receber R$ 16.529. O último reajuste do governador foi de 26,1% de aumento em 2010. Há dois anos, 7.444 funcionários que tinham seus vencimentos baseados no salário do governador foram beneficiados. O governo ainda calcula quantos servidores seriam afetados pelo novo aumento e qual o impacto da medida nas contas públicas.  

continua após publicidade