Política

Mensalão-Repercute 2:

Da Redação ·

PT faz ato em defesa de Lula no Pará





Por Aguirre Talento

BELÉM, PA, 13 de dezembro (Folhapress) - O PT do Pará realizou um ato em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na noite de hoje, com ataques à imprensa, e chamou os militantes para uma manifestação de rua que o partido está programando para o início do ano que vem.

"Estamos dando início a um movimento para depois ir às ruas e dizer: mexeu com Lula, mexeu com a gente", afirmou o presidente do PT paraense, João Batista, quando foi aplaudido por cerca de cem militantes que participavam do ato.

O evento foi realizado na Assembleia Legislativa do Pará, dois dias depois de o jornal "O Estado de S. Paulo" dizer que Marcos Valério, condenado no processo do mensalão, afirmou à Procuradoria-Geral da República que pagou despesas pessoais do ex-presidente.

O ato teve a presença de representantes do PC do B, da CUT (Central Única dos Trabalhadores) e da Fetagri (Federação dos Trabalhadores na Agricultura), além de petistas, dentre os quais estava o ex-deputado federal Paulo Rocha, absolvido no julgamento do mensalão da acusação de lavagem de dinheiro.

Uma bandeira com a foto do ex-presidente foi colocada ao lado da bandeira do PT na mesa de honra do auditório. Os participantes gritavam dizeres como "Lula, guerreiro do povo brasileiro".

"Vamos dar um basta à mídia brasileira, que anda aliada ao PSDB, a uma parte do STF (Supremo Tribunal Federal), a uma parte da Procuradoria-Geral da República, e quer fazer política", afirmou João Batista.
 

continua após publicidade