Política

Candidatos falam sobre o problema da segurança no 1º bloco do debate

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 18 de outubro (Folhapress) - No primeiro bloco do debate organizado pela TV Bandeirantes, os candidatos a prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) e José Serra (PSDB), foram questionados sobre o problema da segurança. O petista lembrou que a segurança é atribuição do governador. "Mas eu sou daqueles que entende que o prefeito tem muito a contribuir, talvez não tanto com a repressão ou com a inteligência em função de que a Polícia Militar e a Polícia Civil são subordinadas ao governador, mas com a promoção de segurança na cidade", disse. Haddad prometeu transformar GCM (Guarda Civil Metropolitana) em uma "guarda comunitária, com policiais que conheçam o ambiente de trabalho, que atuem nos bairros, que conheçam as lideranças locais". O candidato disse também que fará uma integração da GCM maior com a CET, Corpo de Bombeiros e polícias. Já Serra disse que vai ampliar a Operação Delegada. "A Operação Delegada foi criada quando eu era governador." Nesse programa, a prefeitura pode contratar policiais militares no horário de folga para aumentar o patrulhamento na cidade. "Tem 8.000 PMs inscritos nesse programa e 4.000 nas ruas", disse. O tucano disse ainda que vai "fortalecer o trabalho de coordenação na cidade". "A guarda municipal teve aumentos significativos de investimentos nos últimos anos, inclusive nas câmeras.  

continua após publicidade