Política

Presidente do PRB diz lamentar uso eleitoral de seu texto

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 14 de setembro (Folhapress) - O presidente do PRB, Marcos Pereira -bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus-, rebateu hoje a nota da Arquidiocese de São Paulo com ataques à candidatura de Celso Russomanno e à Universal. O texto publicado ontem pela Arquidiocese é uma resposta a um texto que Pereira publicou em maio de 2011 em seu blog e que voltou a circular recentemente nas redes sociais. No artigo do ano passado, o presidente do PRB vinculou a Igreja Católica à proposta de distribuição do chamado "kit gay" e faz críticas ao material, que tinha o objetivo de combater a homofobia nas salas de aula. A nota da Arquidiocese acusa Pereira, que chefia a campanha de Russomanno, de disseminar posições "ridículas, confusas e desrespeitosas" sobre os católicos. "Lamento que tal exercício de pensamento publicado há um ano e quatro meses seja usado de maneira indevida às vésperas da eleição para a prefeitura de São Paulo", escreveu Pereira. Diz ainda que o texto publicado em maio "traz uma análise dos fatos sob o contexto daquela época": "Manifestei, naquele momento, minha liberdade de expressão e livre pensamento, sem qualquer conotação política ou eleitoral. Reitero o respeito que tenho pelos direitos individuais independente de credo, raça ou opção sexual."  

continua após publicidade