Política

Haddad diz que Russomanno e Serra devem desculpas um ao outro

Da Redação ·

Por Luiza Bandeira BRASÍLIA, DF, 7 de setembro (Folhapress) - O candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, disse hoje que seus adversários Celso Russomanno (PRB) e José Serra (PSDB) deveriam pedir desculpas um ao outro. Ontem, Russomanno disse que o prefeito Gilberto Kassab (PSD), aliado de Serra, deveria "enfiar o rabo entre as pernas" e estudar segurança pública. Em resposta, Serra disse que a afirmação "abre espaço para perguntarem o que é que ele vai fazer com o rabo dele". Haddad afirmou que sua candidatura é pautada por propostas e que este tipo de debate "não enriquece a eleição". "Um pedido de desculpas do Serra pro Russomanno, do Russomanno pro Serra, seria o mais correto neste momento. O paulistano está em busca de uma solução para seus problemas e não dessa troca de farpas desnecessária." O candidato deu a declaração após participar da caminhada do Grito dos Excluídos. Ele caminhou da avenida Paulista até o Parque do Ibirapuera segurando uma faixa do movimento. Esta foi a 18ª edição do protesto, que ocorre no feriado de 7 de Setembro. É organizado por movimentos sociais como a Central de Movimentos Populares e a CUT. Durante o evento, foram feitas críticas ao que os manifestantes chamaram de "política higienista" do prefeito Gilberto Kassab (PSD) e ao PSDB. Segundo os organizadores, 15 mil pessoas participaram da marcha. Já a Polícia Militar estima em mil o número de presentes.  

continua após publicidade