Política

Policiais recebem moção de aplauso em Apucarana

Da Redação ·
A Câmara de Apucarana concedeu a moção como forma de incentivo aos policiais que trocaram tiros e prenderam os bandidos durante operação no Dom Romeu
fonte: Divulgação
A Câmara de Apucarana concedeu a moção como forma de incentivo aos policiais que trocaram tiros e prenderam os bandidos durante operação no Dom Romeu

Um grupo de integrantes do 10º. Batalhão da Polícia Militar (BPM), que participou do cerco e prisão aos assaltantes que agiram em facção no Núcleo Dom Romeu, no mês passado, recebeu uma moção de aplausos nesta semana na Câmara de Apucarana.

continua após publicidade

A moção foi proposta pelo vereador Aldivino Marques, o “Val”, do PSC. “Precisamos reconhecer o profissionalismo, a dedicação e a bravura com que esses policiais realizaram esta missão, num momento em que a segurança pública enfrenta tantos problemas em nosso país”, discursou o vereador.

Na tarde do dia 11 de maio, três homens armados entraram na facção, localizada na Rua Santo André, no bairro Dom Romeu, e fizeram reféns. A polícia foi acionada e, ao chegar ao local, foi recebida a tiros. Durante o tiroteio, um dos ladrões acabou baleado, mas escapou com vida. A Polícia realizou a prisão de dois deles no ato.

continua após publicidade

O terceiro ainda tentou fugir, mas a Polícia fechou o cerco na região e, com a denúncia dos moradores, acabou por prendê-lo. Uma moto roubada, três capacetes e duas armas foram apreendidas com os ladrões.

 “Foi uma coisa realmente assustadora, que só não teve piores conseqüências devido à eficiência da Polícia”, diz o vereador Marcos Martins (PTC), que reside no bairro. Ele lembra que o bandido que tentou fugir saltou vários muros e acabou sendo preso nos fundos do quintal de sua residência. “Felizmente, minha família não estava em casa naquele momento”, destaca Marquinhos.

Foram homenageados o cabo Paulo Ternoski, o cabo Edson Aparecido da Silva, o primeiro sargento Eugênio Kovalczuk, a soldado Adriana Vilani Brentan, o segundo sargento Marcos Aparecido Rodrigues, o soldado Clodoaldo Ribas, o segundo sargento Heleno Antônio da Silva, o soldado Cláudio Pereira de Oliveira, segundo sargento Donizete Nunes da Silva, soldado Edenilson Vieira, segundo sargento Daniel Rodrigo de Souza e cabo Wilson Sérgio Klava. 

O sargento Daniel falou em nome dos colegas, destacando que o apoio da comunidade, a gratidão e o reconhecimento motivam e encorajam os policiais. Ele também destacou a participação da comunidade, representada na operação pela pessoa que ligou para o Batalhão. O tenente coronel João Jorge dos Santos, comandante do 10º. BPM, também ressaltou a importância da homenagem. “Orgulhem-se da profissão que vocês abraçaram”, disse ele, dirigindo-se a todos os policiais, inclusive aos novatos que estão freqüentando a Escola de Policiais