Política

CPMI pedirá ao Supremo suspensão do sigilo sobre Cachoeira

Da Redação ·
 Cachoeira está preso em Brasília sob suspeita de envolvimento com jogos ilícitos
fonte: veja.abril.com.br
Cachoeira está preso em Brasília sob suspeita de envolvimento com jogos ilícitos
continua após publicidade
A reunião da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do caso Cachoeira decidiu nessa quinta-feira (17) pedir ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski a suspensão do segredo de Justiça dos inquéritos sobre o empresário goiano Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira. Os deputados e senadores querem também a indisponibilidade dos bens dele. Cachoeira está preso em Brasília sob suspeita de envolvimento com jogos ilícitos. Lewandowski é relator no STF dos inquéritos resultantes das operações Vegas e Monte Carlo, da Polícia Federal, que indicam uma "organização criminosa" comandada por Cachoeira.A CPMI fez hoje uma reunião administrativa para votar requerimentos, em razão dos adiamentos dos depoimentos dos procuradores da República Daniel Salgado e Léa Batista de Oliveira, que deverão ocorrer depois de 31 de maio.