Política

OAB cria comissão para apurar 'suborno' em Londrina

Da Redação ·

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção Londrina, criou uma comissão para apurar as prisões do ex-secretário do governo Barbosa Neto, Marco Cito, e do empresário Ludovico Bonatto. Os dois foram flagrados tentando subornar o vereador Amauri Cardoso (PSDB).

A dupla se comprometeu a entregar R$ 40 mil em propina ao parlamentar de oposição em troca do voto contrário dele à abertura de uma Comissão Processante (CP) contra o prefeito na Câmara.


O presidente da OAB Londrina, Elizandro Pellin, disse preferir ainda não se pronunciar sobre o caso, pelo menos por enquanto.

continua após publicidade