Política

PF cumpre mandado de prisão contra prefeito por desvios em AL

Da Redação ·

A Polícia Federal realiza nesta terça-feira (20) uma operação conjunta o Ministério Público Federal e a Controladoria-Geral da União com o objetivo de desarticular um esquema de desvio de recursos federais na prefeitura de Traipu, em Alagoas. Segundo a CGU, o esquema envolveria o prefeito e a primeira-dama do município, além de dois secretários, um ex-secretário municipal.

continua após publicidade

Até a manhã desta terça-feira, o G1 não havia conseguido contato com a assessoria de imprensa do município para comentar a operação.

Foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão e 8 mandados de prisão preventiva, entre eles contra o prefeito, a primeira-dama e os secretários. Também foi decretada a prisão temporária do tesoureiro do município, diz a CGU.

continua após publicidade

As fiscalizações feitas pela CGU apontaram indícios de desvios de R$ 8,2 milhões de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e do Programa de Transporte Escolar no município entre 2007 a 2010.

Dentre as irregularidades constatadas há a existência de indícios de licitações simuladas, de pagamentos por serviços não realizados, de montagem e simulação de prestações de contas e de aquisições de materiais ou serviços não contemplados pelos programas examinados.