Política

Prefeito de Bom Sucesso faz contraproposta a professores

Da Redação ·

Em comum acordo com a Câmara de Vereadores, o prefeito de Bom Sucesso, José Edilson Vanzela (PSDB), fez ontem uma nova proposta de reajuste salarial para os professores da rede municipal. Através da APP-Sindicato Núcleo de Mandaguari, a categoria exige o pagamento do piso nacional do magistério e ameaça entrar em greve caso não seja atendida. O prefeito argumenta que, dos 54 professores, só um não recebe o piso por estar em fase de estágio.

continua após publicidade

Na semana passada Vanzela ofereceu reajustes de 2% a partir de 1º de agosto, 2% em 1º de setembro e 2º em 1º de outubro. A proposta foi rejeitada pelo magistério, que fez um pedido de aumento salarial de 4% em 1º de agosto, 4% em 1º de setembro, 4% a partir de 1º de outubro e 3,4% a partir do dia 1º de novembro.

Vanzela, no entanto, elaborou ontem uma nova contraproposta. Ele se dispõe a reajustar os salários do magistério em 2% a partir do dia 1º de agosto, 2% no dia 1º de setembro, 2% a partir de 1º de outubro, 5% em 1º de novembro e 4,4% a partir do dia 1º de dezembro.

continua após publicidade

Leia a matéria completa na edição de sábado (20) da Tribuna do Norte - Diário do Paraná