Mais lidas

    Paraná

    2021

    Virada do ano tem queima de fogos barulhentos em Curitiba e incidentes no interior

    Virada do ano tem queima de fogos barulhentos em Curitiba e incidentes no interior
    Foto por AEN
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 01.01.2021, 09:19:39 Editado em 01.01.2021, 09:19:52
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A virada do ano em Curitiba teve, sim, a queima de fogos de artifício. Como acontece todos os anos, a população foi para as ruas e soltou os fogos na passagem de ano. Mas, um detalhe, muitos soltaram rojões ou fogos com estampido, ou seja, que fazem barulho de explosão, o que é proibido na Capital desde 20 de dezembro deste ano conforme lei municipal. As informações são do jornal Bom Dia Paraná, da RPC, desta sexta-feira (1).

    A reportagem mostrou que os fogos com barulho foram comuns na virada na Capital. Desde o dia 20 de dezembro, soltar fogos de artifício com estampido é proibido em Curitiba. É nesta data que entrou em vigor a lei sancionada pelo prefeito Rafael Greca no ano passado. 

    Além da apreensão e destruição do material, está prevista a aplicação de multas de R$ 5,3 mil a R$ 18 mil, de acordo com a gravidade da infração, relacionada à intensidade dos fogos, não interrupção ou reincidência. 

    A proposição veio da Câmara Municipal de Curitiba e dispunha sobre a proibição da queima, soltura e manuseio de fogos de artifício e artefatos pirotécnicos de alto impacto ou com efeitos de tiro em recintos fechados e ambientes abertos, em áreas públicas e locais privados, em todos os períodos do ano.

    Podem ser usados fogos de artifício com efeitos de cores, os ditos luminosos, que produzem efeitos visuais sem tiro, das categorias A e B (fogos de vista, sem estampido; foguetes com ou sem flecha, sem bomba; além dos "pots-à-feu", "morteirinhos de jardim", "serpentes voadoras" e outras equiparáveis . 

    A fiscalização será responsabilidade da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e da Guarda Municipal. A demanda é, principalmente, da causa da proteção animal, mas também beneficia crianças, especialmente as portadoras do Transtorno do Espectro Autista, e idosos, que também sofrem com os barulhos dos fogos.

    Interior - Os fogos de artifício também podem ter provocado um incêndio em um caminhão em Maringá. O veículo ficou destruído, e os bombeiros suspeitam que ele foi atingido por um artefato como fogos de artifício, por acidente ou até mesmo intencional.

    Da Redação Bem Paraná 

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Paraná

    Deixe seu comentário sobre: "Virada do ano tem queima de fogos barulhentos em Curitiba e incidentes no interior"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.