Paraná

Vereador do PR revolta web após ofender Paulo Gustavo

Muitas pessoas comentaram na transmissão e acusaram o vereador de homofobia

Da Redação ·

O vereador Donaldo Seling (Cidadania) de Maripá, cidade paranaense que fica a quase 500 Km de Curitiba, durante sessão ordinária da Câmara Municipal, transmitida ao vivo no Facebook, falou sobre a repercussão da morte do ator e humorista Paulo Gustavo, porém, o discurso chamou a atenção dos internautas e causou revolta. 

continua após publicidade

“Nós não podemos perder o que há no coração de uma mãe, o que a há de mais bonito numa família unida. Pai e mãe, não marido com marido, ou ‘marida’, não sei como se fala essa porcaria, de tanto que odeio isso”, disse.

O vereador chegou a citar o nome do ator. “Aí você vê uma notícia: o ator Gustavo -Gustavo é homem, né?- internado com Covid, e seu marido torcendo pela melhora dele. Nós estamos tendo um desentendimento, na minha opinião. Essa coisa moderna não serve para mim”, comenta. 

continua após publicidade

Muitas pessoas comentaram na transmissão e acusaram o vereador de homofobia. "Vergonha!!!! Homofobia é crime!!! Que esse vereador não fique impune e não destile mais esse ódio em forma de opinião!!" disse uma mulher durante a live

"Vereador Donaldo Seling, homofobia e transfobia são crimes no país e podem dar de 3 a 5 anos de prisão, previsto na lei 7.716/2018", comentou outro usuário da rede social. 

O trecho em que vereador cita Paulo Gustavo começa a partir dos 31 minutos da gravação. Veja: 

continua após publicidade

 Vereador do PR revolta web após ofender Paulo Gustavo - Vídeo por: Reprodução  

A sessão foi realizada na última segunda-feira (3), um dia antes da morte do humorista que comoveu todo o Brasil, muitos artistas, o presidente Bolsonaro e até a Beyoncé lamentaram o falecimento. 

Segundo o IBGE, o município tem aproximadamente 5.582 habitantes e o vereador recebeu 193 votos.