Paraná

UEL e Ibiporã abrem parceria de estágios para universitários

Um convênio entre a Universidade Estadual de Londrina e a Secretaria da Educação de Ibiporã vai abrir 200 vagas de estágio em colégios municipais

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia UEL e Ibiporã abrem parceria de estágios para universitários
fonte: Divulgação/UEL
UEL e Ibiporã abrem parceria de estágios para universitários

A Agência de Notícias do Paraná divulgou nesta quinta (28), que a Universidade Estadual de Londrina e o município de Ibiporã firmaram uma parceria que disponibiliza 200 vagas de estágio para estudantes de licenciatura, que atuarão nos colégios municipais e na rede integral de ensino da cidade.

continua após publicidade

As bolsas serão destinadas a estudantes dos cursos de Licenciatura da UEL, que atuarão nos colégios municipais e na rede integral de ensino da cidade, na região Norte do Paraná, vizinha à Londrina.

Para o prefeito de Ibiporã, José Maria Ferreira, a parceria possibilita uma expertise que o município, sozinho, não teria à disposição. “Estamos vivendo um momento de muitos desafios para a educação. Em Ibiporã, queremos reforçar a alfabetização com a vinda desses estagiários. Isso deve preencher um vazio que não conseguiríamos preencher sozinhos”, afirmou.

continua após publicidade

Segundo a pró-reitora de Graduação, Marta Regina Gimenez Fávaro, o convênio traz um grande diferencial às licenciaturas da UEL. “É uma forma de atrair o jovem que está cursando uma licenciatura, muitas vezes desmotivado pela desvalorização profissional, a prosseguir na área”, disse. “É uma forma de aproximar as licenciaturas das demandas mais próximas dos municípios”.

O contrato, com validade de 12 meses, terá um custo de R$ 2,256 milhões à Secretaria municipal de Ibiporã. Além do prefeito e a pró-reitora, também participaram da assinatura do convênio a vice-prefeita de Ibiporã, Mari de Sá, e o secretário de Educação, Antonio Prata Neto.

Os estudantes poderão receber bolsas de estágio em licenciatura em duas modalidades: apoio à docência regular e à docência inclusiva. Na modalidade regular, há 100 bolsas no valor de R$ 800,00 para 20 horas semanais. Na inclusiva, são 30 bolsas de R$ 800,00 para jornadas de 20 horas e 70 bolsas de 30 horas, no valor de R$ 1.200,00.

CHAMAMENTO – O processo de chamamento dos estudantes deve ocorrer no mês de novembro, por meio de edital. Os estagiários devem observar as regras de ingresso em estágio não-obrigatório de cada um dos cursos para fazer a inscrição. O início das atividades está previsto para o começo do ano letivo de 2022, em 1º de fevereiro.

Tags relacionadas: #paraná