Paraná

Suspeito de negociar carros roubados morre em confronto com a polícia

De acordo com a PM, não foi a primeira vez que o suspeito, conhecido como “Dublê”, se envolveu em trocas de tiros com policiais

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
O suspeito seria proprietário de uma oficina na qual realizava adulterações em veículos roubados
fonte: Eliandro Santana/Banda B
O suspeito seria proprietário de uma oficina na qual realizava adulterações em veículos roubados

Um homem de 50 anos de idade morreu em confronto com policiais militares do Batalhão de Polícia de Choque, na noite desta sexta-feira, 23, na Rua Bortolo Pelanda, no bairro Umbará, em Curitiba. a reportagem é da Banda B.

continua após publicidade

Segundo a polícia, ele estava a bordo de um veículo Ônix, de cor prata, roubado no bairro Portão, horas antes da troca de tiros.

A reportagem apurou junto a polícia militar, que o suspeito seria proprietário de uma oficina no bairro Alto Boqueirão, na qual realizava adulterações em veículos roubados.

continua após publicidade

Também de acordo com a PM, não foi a primeira vez que o suspeito, conhecido como “Dublê”, se envolveu em trocas de tiros com policiais.

O corpo dele foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

Outro caso

continua após publicidade

Uma mulher morreu baleada ao tentar defender o irmão na noite de sexta-feira (22), em Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná. O rapaz também foi baleado e está em estado grave. As informações são do portal Ricmais.

Os crimes aconteceram na Rua Eloi Armando Nedel, no Bairro Cidade. Segundo apurado pelo Portal Oops Notícia Foz Ná Hora, o autor dos crimes invadiu a residência, e começou a disparar. Ao perceber a cena, Talita Procópio, entrou na frente do irmão, identificado como Willian, para tentar evitar o crime, mas foi baleada e morreu antes da chegada dos socorristas do Siate.

O irmão dela foi atingido por diversos disparos, recebeu atendimento do médico e socorristas do Siate e foi encaminhado em estado grave ao hospital onde permanece internado. 

Saiba mais clicando aqui.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News