Paraná

Saúde de Maringá investiga 1º caso suspeito de varíola dos macacos

A informação foi divulgada nesta quinta-feira (14). A paciente é uma mulher que teve contato com uma pessoa sintomática, em São Paulo

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
O caso está sendo investigado
fonte: Ilustrativa/Freepik
O caso está sendo investigado

A cidade de Maringá, norte do Paraná, tem o primeiro caso suspeito da doença monkeypox, popularmente conhecida como varíola dos macacos. A Secretaria Municipal de Saúde divulgou a informação na manhã desta quinta-feira (14). 

continua após publicidade

A paciente é uma mulher, entre 20 e 30 anos, que apresentou sintomas compatíveis com a doença (lesões na pele) e foi atendida em um hospital privado da cidade. Ela teve contato com uma pessoa de São Paulo, também sintomática. A paciente está estável, em isolamento domiciliar e sendo monitorada pela equipe de saúde.

De acordo com as informações da prefeitura, os exames da paciente foram encaminhados para o Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen)e outros dois laboratórios em São Paulo e Santa Cantarina para uma análise mais profunda. 

continua após publicidade

Em nota, a assessoria de imprensa da prefeitura destacou que “antes de registrar casos suspeitos, já estava capacitando os profissionais da saúde para a detecção e diagnóstico precoce da varíola dos macacos. Na semana passada foram realizados treinamentos com a médica infectologista Ana Cristina Medeiros Gurgel e, nesta quinta-feira, 14, a epidemiologista Jussara Titato ministra a capacitação no Auditório Hélio Moreira. Podem participar médicos e enfermeiros da rede pública e privada”.

Com informações do GMC Online.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News