Paraná

Região enfrenta inverno mais seco dos últimos tempos; entenda

Dados do Simepar apontam déficit de 75 mm em relação a média histórica de chuvas na região para o período; assista

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Simepar aponta déficit de chuvas no estado no mês de julho
fonte: Reprodução / Pixabay
Simepar aponta déficit de chuvas no estado no mês de julho

Dados do Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), apontam um déficit de chuvas no estado no mês de julho, sobretudo nas regiões norte e noroeste do Paraná.

continua após publicidade

Os números demonstram que, na região de Londrina, no norte do estado, a média histórica de chuvas para o mês de julho é 75,4 mm. Passados quase 20 dias de julho, até o momento, a precipitação acumulada na região em 2022 foi de 2 mm, uma anomalia de -75,2 mm de chuva acumulada em relação à média histórica.

Segundo o meteorologista Samuel Braun, há déficit de chuvas em todo o estado, sobretudo nas regiões norte e noroeste, causado por uma condição de bloqueio atmosférico.

continua após publicidade

“Apenas no setor sudoeste tivemos pontos mais expressivos de chuva, superando 30mm. Região centro sul, campos gerais e litoral apresentaram precipitações de até15mm. Considerando os dados do mês de julho até o dia 19, foram registradas chuvas mais significativas na região sudoeste e sul do Paraná, valores acumulados em até 60mm em algumas estações meteorológicas. Há déficit de chuva em todo o estado considerando o mês de julho, e, de qualquer forma, chegaremos ao final do mês com chuvas abaixo da média, com destaque para o setor norte e noroeste, onde praticamente não choveu e teremos poucas chuvas considerando a previsão para os próximos dias”, informou o meteorologista.

Segundo o Simepar, nos próximos dias, o tempo se mantém estável no Paraná, com temperaturas elevadas à tarde, devido a mais uma condição de bloqueio atmosférico. Há previsão de chuvas apenas a partir de quinta-feira, 28/07.

Veja o que diz o meteorologista:

  null - Vídeo por: Reprodução  

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News