Paraná

Projeto propõe a criação do Selo Estadual do Turismo de Experiência

Projeto propõe a criação do Selo Estadual do Turismo de Experiência

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Projeto propõe a criação do Selo Estadual do Turismo de Experiência
Projeto propõe a criação do Selo Estadual do Turismo de Experiência

O deputado estadual Soldado Fruet (PROS), presidente da Comissão de Turismo da Assembleia Legislativa do Paraná, protocolou um projeto de lei, lido na sessão plenária remota desta quarta-feira (09) da Assembleia, que institui a marca distintiva “Selo Estadual do Turismo de Experiência”. Pela proposta, o selo será conferido aos estabelecimentos, detentores de personalidade jurídica, que se dediquem à realização de atividade turística que permita conhecer e participar in loco da gastronomia, cultura e costumes característicos da localidade visitada. 

continua após publicidade

“É mais uma iniciativa para ajudar o setor turístico a se recuperar deste momento difícil que atravessa por conta da pandemia, possibilitando que os estabelecimentos tenham mais uma ferramenta para angariar clientes, gerando emprego, renda e arrecadação de impostos”, destaca o deputado. Ele ressalta que “essa modalidade de viagem rompe com a clássica visitação aos monumentos turísticos, pois incentiva o viajante a se aprofundar e conhecer um pouco mais da realidade dos moradores que vivem na região, explorando suas atribuições do dia a dia”.

De acordo com o texto, a emissão do selo deverá ser requerida pelo estabelecimento interessado ao Governo do Estado, que deverá padronizar a marca, e terá validade de dois anos, podendo ser renovada mediante requerimento. A matéria estabelece que a emissão da marca distintiva fica condicionada à inspeção e análise favorável pelo órgão certificador integrante da Administração Pública Estadual. Segundo o projeto, o estabelecimento que atender aos requisitos da Lei terá o direito de fazer uso publicitário do selo.

continua após publicidade

Exemplos - Introduzido no Brasil por meio de visitação às vinícolas situadas na serra gaúcha, onde os turistas conhecem todo o processo, desde o cultivo da uva até a produção da bebida, o turismo de experiência rapidamente se espalhou para outras atividades e por todo o território. “Não são poucos os municípios paranaenses que já incorporaram o turismo de experiência em suas atividades”, aponta o deputado Soldado Fruet, enfatizando que “em razão das várias culturas que aqui se estabeleceram e pela infinidade de belezas naturais, o Paraná tem potencial de ser protagonista nesta modalidade de turismo”.  

Como exemplos de turismo de experiência, o autor do projeto cita o Circuito Sabiá em Matelândia, onde famílias de agricultores rurais organizam visitas integradas às propriedades e oferecem almoço e café colonial com alimentos frescos e naturais, além de dois passeios disponíveis no Parque das Aves, em Foz do Iguaçu. No projeto Backstage Experience, o turista pode conhecer de perto como funciona o trabalho de conservação e recuperação dos animais. No Forest Experience, tem a oportunidade de visitar uma tribo de índios guaranis.

Tags relacionadas: #paraná #selo #turismo