MAIS LIDAS
VER TODOS

SARANDI

Professoras são investigadas por prender criança dentro de baú no PR

Uma das suspeitas sentou sobre a tampa e impediu a aluna, que tem apenas 2 anos, de sair; para a polícia crime configura tortura

Da Redação

·
Escrito por Da Redação
Publicado em 23.09.2022, 18:38:03 Editado em 23.09.2022, 18:54:06
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

A Polícia Civil do Paraná investiga uma denúncia de que duas professoras teriam torturado uma criança de dois anos em Sarandi, no norte do Estado. A informação chegou até as autoridades por meio da mãe que registrou um boletim de ocorrências. Conforme o relato da mãe, uma terceira professora informou que flagrou a criança presa dentro de um baú para brinquedos - que tem formato de hipopótamo - por aproximadamente cinco minutos. Uma das suspeitas ainda sentou em cima do objeto causando pânico na criança e a impedindo de sair.

continua após publicidade

A testemunha foi ouvida pelo delegado Adriano Garcia, que investiga o caso. Segundo ele, a mulher chorou várias vezes ao lembrar dos detalhes. Em seu depoimento, a testemunha disse que estranhou o sumiço da criança na escola e foi verificar. Foi quando escutou o choro dela vindo de dentro de um baú para brinquedos, que tem formato de hipopótamo, onde uma professora estava sentada sobre a tampa. Uma outra professora teria presenciado tudo desde o início e não fez nada para ajudar a aluna.

LEIA MAIS: Identificado motorista que morreu na PR-445; bebê ficou ferido

continua após publicidade

A mulher disse ao delegado que as suspeitas pediram para que ela não revelasse nada do que tinha presenciado.

Elas pediram para não contar nada, manter isso em segredo, quando perceberam meu espanto ao ver a criança sendo tirada do brinquedo”

- Adriano Garcia, delegado,
continua após publicidade

O caso aconteceu no Conjunto Alvamar, em Sarandi. Assim que a denúncia foi feita, as duas suspeitas apresentaram atestados médicos. A Secretaria de Educação abriu uma sindicância e pediu o afastamento das duas, o que aconteceu quando elas retornaram as atividades. No mesmo processo, a Secretaria de Educação ainda pediu explicações à diretora da instituição de ensino, que não teria avisado os superiores, assim que soube do caso.

 Criança ficou presa dentro de um baú infantil que tem formato de hipopótamo
Foto por Polícia Civil de Sarandi/Divulgação
Criança ficou presa dentro de um baú infantil que tem formato de hipopótamo

MAUS-TRATOS E TORTURA

No entendimento de Garcia, o crime não configura apenas maus-tratos, mas crime de tortura. O objeto foi apreendido e está na delegacia de Sarandi. As duas professoras serão interrogadas nos próximos dias.

continua após publicidade

Em nota, a prefeitura a Secretaria Municipal de Educação informou que as circunstâncias do possível ocorrido estão sendo apuradas e o pronunciamento será realizado nos autos, dentro dos prazos, respeitando a legislação vigente.

"Inteiramos que o Processo Sindicância, foi aberto e tramita dentro dos parâmetros legais, sendo que as servidoras foram afastadas e, especialmente informamos que estamos à disposição das autoridades competentes para apuração dos fatos, se constatada a responsabilidade dos profissionais será aberto Procedimento Administrativo para adoção das sanções pertinentes ao caso, partindo do pressuposto do contraditório e da ampla defesa, garantidos constitucionalmente. Afirmamos prontamente que não há registro em nenhuma outra Instituição de Ensino do Sistema Municipal de Ensino de Sarandi de possíveis maus-tratos ou mesmo relatos desse tipo feito por responsáveis de nossas crianças. A SMED reforça, por oportuno, seu compromisso com a transparência e com o bem-estar e a educação de nossas crianças, e repudia, de forma veemente, toda e qualquer forma de conduta de desrespeito aos Direitos das Crianças".

Com informações do GMC Online e CBN Maringá.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Paraná

    Deixe seu comentário sobre: "Professoras são investigadas por prender criança dentro de baú no PR"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!