Paraná

Órgãos de PM morto em Guarapuava beneficiarão 8 pessoas

De acordo com a Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) do HSVP, foram captados as córneas, coração, rins, fígado, baço e linfonodo

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Órgãos de PM morto em Guarapuava beneficiarão 8 pessoas
fonte: Reprodução/ Arquivo

Teve sucesso a captação de órgãos do cabo Ricieri Chagas, policial militar que morreu em Guarapuava, na região central. Pelo menos oito pessoas serão beneficiadas, segundo informações do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP).

continua após publicidade

De acordo com a Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) do HSVP, foram captados as córneas, coração, rins, fígado, baço e linfonodos.

O cabo morreu no sábado (23) - ele foi atingido com um tiro na cabeça na tentativa de mega-assalto que acontece na cidade no domingo (17).

continua após publicidade

Confira a quantidade de pessoas beneficiadas por órgãos captados:

Córneas: duas pessoas beneficiadas; Coração: duas pessoas, contando as válvulas, parte do órgão; Rins: duas pessoas; Fígado: uma pessoa; Baço: uma pessoa; Linfonodos: ainda sem especificação

Ainda de acordo com o CIHDOTT, cada órgão captado tem um tempo específico para ser utilizado em transplante, conforme determina uma portaria estadual.

continua após publicidade

As córneas, por exemplo, podem ser transplantadas em no máximo 14 dias. Rins, em no máximo 20 horas. Para fígado, o tempo é ainda menor: 12 horas.

A captação dos órgãos foi iniciada no sábado (23), mas o hospital não confirmou que horário o procedimento foi completamente concluído.

Segundo o Governo do Estado, , uma vez que, em caso de morte, são eles que precisam autorizar a captação dos órgãos nos hospitais.

continua após publicidade

Em 2021, segundo o Registro Brasileiro de Transplantes (RBT), da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), o Paraná teve 412 doações efetivas de órgãos, que resultaram em 1.468 transplantes, além de 395 procedimentos de medula óssea.

Com informações, G1